Oportunidade à Vista: Concurso TJ AP 2023 com 58 Vagas e Cadastro de Reserva

No dia 30 de outubro, o Tribunal de Justiça do Amapá (TJ AP) divulgou o tão aguardado edital do Concurso TJ AP 2023, abrindo as portas para 58 vagas imediatas e a formação de cadastro reserva. Com oportunidades destinadas aos cargos de Analista Judiciário e Técnico Judiciário, abrangendo diversas especialidades, este concurso oferece uma chance única de ingressar no Poder Judiciário. As inscrições já estão em andamento e permanecerão abertas até 21 de dezembro de 2023. Continue lendo para ficar por dentro de todos os detalhes desse concurso de grande relevância!

Explorando os Cargos do Concurso TJ AP 2023: O Concurso TJ AP 2023 se destaca por oferecer uma ampla variedade de oportunidades para profissionais que desejam fazer parte do quadro de servidores do Poder Judiciário. Para candidatos com nível superior, as vagas estão distribuídas em áreas como Administração, Assistência Social, Biblioteconomia, Contabilidade, entre outras, no cargo de Analista Judiciário. Aqueles com nível médio poderão concorrer ao cargo de Técnico Judiciário.

Além das posições disponíveis, os salários são atrativos, variando conforme o nível de escolaridade. Os vencimentos chegam a R$ 6.539,48 para cargos de nível médio e a R$ 8.508,30 para cargos de nível superior. Adicionalmente, os servidores do TJ AP têm direito a benefícios como Auxílio-Alimentação no valor de R$ 2.000,00 e Auxílio-Saúde no valor de R$ 850,00.

Pré-requisitos para os Cargos no Concurso TJ AP 2023: Antes de se inscrever, é essencial compreender os pré-requisitos exigidos para os cargos oferecidos no Concurso TJ AP 2023. Alguns dos principais critérios de elegibilidade abrangem:

  • Ter sido devidamente classificado no Concurso Público, em conformidade com as normas estabelecidas no Edital.
  • Ser brasileiro, ou, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses.
  • Possuir idade mínima de 18 anos.
  • Gozar plenamente dos direitos políticos.
  • Estar em conformidade com as obrigações eleitorais e militares (no caso de candidatos do sexo masculino).
  • Não ter sofrido penalidades por improbidade administrativa no exercício de função pública, impostas por qualquer órgão público ou entidade da esfera federal, estadual ou municipal.
  • Apresentar declaração referente ao exercício de outros cargos, empregos ou funções públicas, bem como ao recebimento de proventos decorrentes de aposentadoria e pensão.
  • Apresentar declaração de bens e valores que constituam patrimônio.
  • Não estar sujeito a sanções por inidoneidade, impostas por órgãos públicos ou entidades da esfera federal, estadual ou municipal.
  • Firmar compromisso de sigilo e confidencialidade das informações.
  • Ser considerado apto no exame admissional, mediante a apresentação dos laudos, exames e declarações de saúde necessários.
  • Apresentar diploma devidamente registrado que comprove a conclusão de curso de Nível Médio ou Nível Superior, de acordo com o cargo pretendido, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação.
  • Não ter sido condenado a pena privativa de liberdade com trânsito em julgado ou a qualquer outra condenação incompatível com a função pública.
  • Estar devidamente registrado e em situação regular junto ao órgão de conselho de classe correspondente à sua formação profissional, quando aplicável.

É imprescindível assegurar que todos esses critérios sejam atendidos antes de proceder com a inscrição.

Inscrição no Concurso TJ AP 2023: As inscrições para o Concurso TJ AP 2023 estão disponíveis desde o dia 13 de novembro e se estenderão até o dia 21 de dezembro de 2023. Para se inscrever, siga as orientações abaixo:

  • Acesse o site conhecimento.fgv.br/concursos/tjap23 entre as 16h do dia 13 de novembro de 2023 e as 16h do dia 21 de dezembro de 2023.
  • Complete o requerimento de inscrição exibido no site e siga as instruções fornecidas.
  • O envio do requerimento gerará automaticamente o Documento de Arrecadação Judiciária (DAJ), que deverá ser impresso.
  • O pagamento da taxa de inscrição pode ser efetuado em espécie em qualquer agência bancária ou por meio eletrônico. Certifique-se de efetuar o pagamento até o dia 22 de dezembro de 2023, o primeiro dia útil após o término do período de inscrição.
  • Esteja ciente de que não serão aceitos pagamentos após essa data, nem modalidades de pagamento diferentes do DAJ ou valores distintos dos estipulados no Edital.

Seguir rigorosamente essas orientações é crucial para garantir uma inscrição válida no concurso.

Isenção da Taxa: Os candidatos que se encaixam nos critérios para a isenção da taxa de inscrição têm a oportunidade de solicitar essa isenção de forma clara e específica. Os candidatos elegíveis incluem aqueles amparados pelo Decreto nº 6.593/2008 e inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Além disso, candidatos amparados pelas Leis Estaduais nº 948/2015 (portadores de necessidades especiais e reconhecidamente pobres), nº 1.418/2009 (doadores de sangue) e nº 1.886/2015 (necessidades especiais físicas, auditivas e visuais) também podem solicitar a isenção.

O período para solicitação de isenção se estende das 16h do dia 13 de novembro de 2023 às 16h do dia 16 de novembro de 2023. Durante esse período, os candidatos podem incluir o Número de Identificação Social (NIS) atribuído pelo Cadastro Único para Programas do Governo Federal e fornecer a documentação necessária, incluindo inscrição no Cadastro Único e declaração de renda familiar, de acordo com as regulamentações do Governo Federal.

A análise das solicitações de isenção será divulgada em 4 de dezembro de 2023 no mesmo site mencionado. Caso a isenção seja indeferida, os candidatos têm o direito de recorrer em até 2 dias úteis após a divulgação do resultado. A lista final dos pedidos deferidos será divulgada até 20 de dezembro de 2023 no endereço eletrônico mencionado. Lembre-se de que, no caso de indeferimento, o não pagamento da taxa de inscrição após o indeferimento resultará na exclusão automática do candidato do Concurso Público.

Etapas do Concurso: O processo seletivo do Concurso TJ AP 2023 consistirá em várias etapas, incluindo Prova Objetiva, Perícia Médica e Heteroidentificação. As duas últimas etapas são exclusivas para os candidatos aprovados na Prova Objetiva.

Prova Objetiva: A Prova Objetiva para os cargos de Analista Judiciário está agendada para 24 de março de 2024. Para esses cargos, a prova ocorrerá das 8h às 12h30, no horário oficial de Brasília/DF. Os candidatos a cargos de Técnico Judiciário farão a prova das 15h às 19h30 no mesmo dia. É fundamental chegar com antecedência, uma vez que os portões serão fechados 30 minutos antes do início das provas.

A Prova Objetiva consistirá em 80 questões de múltipla escolha, cada uma valendo 1 ponto, totalizando 80 pontos como pontuação máxima na prova.

Questões de Concursos Anteriores: Uma estratégia importante para se preparar para o Concurso TJ AP 2023 é praticar com questões de concursos anteriores. Essa prática ajuda a testar seus conhecimentos e a se familiarizar com o formato da prova, o que pode reduzir o nervosismo no dia do exame. Aproveite essa oportunidade para aprimorar sua preparação.

Resumo do Concurso TJ AP 2023:

  • Banca: FGV
  • Inscrições: 13/11/2023 a 21/12/2023
  • Cargos: Técnicos e Analistas Judiciários
  • Salário: Até R$ 8,5 mil
  • Nível: Médio e Superior
  • Vagas: 58 (+ cadastro reserva)
  • Data da Prova: 24/03/2024

Tudo sobre o TJ AP: O Tribunal de Justiça do Estado do Amapá (TJ AP) desempenha um papel crucial no sistema judicial brasileiro, contribuindo para a estabilidade e a confiança na aplicação da lei na região do Amapá. Além de sua função central de julgar casos e litígios, o TJ AP está envolvido em atividades educacionais e sociais, promovendo a conscientização sobre direitos legais e ética jurídica.

Por meio de programas de capacitação, conferências e workshops, o tribunal ajuda a disseminar o conhecimento legal entre os profissionais do direito e a comunidade em geral. Além disso, o TJ AP desempenha um papel crucial na interpretação das leis estaduais, garantindo que estejam alinhadas com os princípios constitucionais do Brasil, promovendo, assim, um sistema judicial mais justo e eficaz para todos os cidadãos do Amapá.

Equipe de redação do Arquivo Histórico Joinville

Cada integrante de nossa equipe carrega consigo uma valiosa coleção de experiências e habilidades singulares, culminando em um conjunto coeso que busca incansavelmente a excelência na criação de conteúdo. Nosso objetivo primordial é superar as expectativas, oferecendo aos nossos leitores uma experiência que não apenas enriqueça, mas também permaneça na memória.

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

doze − 9 =