Concurso INSS: veja quais são os cargos previstos e descubra como se preparar

Figurando entre as maiores seleções do país, o concurso INSS costuma oferecer excelentes remunerações, motivo pelo qual é bastante aguardado e disputado pelos concurseiros.

Para que você possa ter uma ideia da dimensão, só no concurso INSS último edital, que aconteceu entre 2015 e 2016, foram mais de 1 milhão de inscritos.

Por isso, se você também está na espera de que um novo certame seja divulgado em breve, nós do Arquivo Histórico Joinville resolvemos reunir em um único post tudo o que você precisa saber sobre o próximo edital concurso INSS.

A expectativa que gira no mundo os concurseiros é de que uma nova seleção seja realizada entre 2021 e 2022, já que o déficit de servidores aumenta cada vez mais, chegando a 22 mil cargos vagos.

Nesse sentido, existe a possibilidade de que sejam abertas mais de 7 mil vagas concurso INSS, uma vez que o último pedido de autorização do concurso solicitou 7.888 oportunidades.

Cargos do concurso INSS

Agora, para entrar no assunto de uma vez, vamos abordar os cargos do concurso do INSS que, provavelmente, serão oferecidos nesta próxima seleção, prevista inicialmente para o ano de 2022.

Geralmente, são três as funções que costumam reunir um grande número de candidatos.

Abaixo, destacamos quais são elas, seus requisitos para participação e atribuições:

Técnico do Seguro Social

Requisitos: para concorrer a uma das vagas como Técnico do Seguro Social, é necessário possuir o nível Médio de escolaridade e ter, no mínimo, 18 anos completos até a data da posse.

Atribuições: realizar atividades internas e externas relacionadas ao planejamento, à organização e à execução de tarefas de competências constitucionais e legais do INSS que não demandem formação profissional específica; coletar informações, executar pesquisas, levantamentos e controles, emitir relatórios e pareceres; exercer, mediante designação da autoridade competente, outras atividades relacionadas às finalidades institucionais do INSS, além das atividades comuns aos cargos de Técnico e Analista mencionadas no edital.

Perito Médico

Requisitos: para conquistar uma das vagas como Perito Médico, como se é de imaginar, é preciso possuir formação Superior na área de Medicina.

Atribuições: emissão de parecer conclusivo quanto à capacidade laboral para fins previdenciários; inspeção de ambientes de trabalho para fins previdenciários; caracterização da invalidez para benefícios previdenciários e assistenciais; execução das demais atividades definidas em regulamento.

Além disso, os ocupantes do cargo de Perito Médico Previdenciário poderão executar, ainda, nos termos do regulamento, as atividades Médico-Periciais relativas à aplicação da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990.

Analista do Seguro Social

Requisitos: sendo uma das funções com maior carência no órgão, o cargo de Analista do Seguro Social exige que seus integrantes possuam formação Superior no curso de Serviço Social.

Atribuições: elaborar minutas de editais, contratos, convênios e demais atos administrativos e normativos avaliando processos administrativos que oferecem subsídios à gestão nos aspectos preventivos e para as tomadas de decisão; participar do planejamento estratégico institucional, de comissões, grupos e equipes de trabalho e dos planos de sua unidade de lotação atuando na gestão de contratos, quando formalmente designado controlando dados e informações, bem como executar a atualização em sistemas; executar atividades de orientação, informação e conscientização previdenciária; subsidiar os superiores hierárquicos com dados e informações relacionadas à sua área de atuação, atuando no acompanhamento e avaliação da eficácia das ações desenvolvidas e na identificação e proposição de soluções para o aprimoramento dos processos de trabalho desenvolvidos; atuar nas atividades de planejamento, supervisão e coordenação de projetos e programas de natureza técnica e administrativa.

Como é a prova do concurso INSS

Depois de conhecer sobre os cargos, suas exigências e atribuições, chegou a hora de saber como funciona a prova do concurso INSS.

Assim, baseados no último edital, que teve o Cebraspe como banca organizadora do concurso do INSS, reunimos abaixo quais são os conteúdos a serem abordados e a forma de avaliação dos candidatos. Confira:

A prova objetiva, no estilo certo/errado, onde cada questão errada anula uma certa, cobrou 120 questões distribuídas entre conhecimentos básicos e específicos.

Para Técnico do Seguro Social foram avaliadas as disciplinas de Seguridade Social; Noções de Direito Administrativo; Língua Portuguesa; Raciocínio Lógico; Noções de Informática; Noções de Direito Constitucional; Interpretação de Textos; Regime Jurídico Único; Redação de Correspondências Oficiais e Ética no Serviço Público.

Já para os cargos de Perito Médico e  Analista do Seguro Social foram cobradas Noções de Direito Administrativo; Noções de Direito Constitucional; Legislação Previdenciária; Língua Portuguesa; Noções de Informática; Conhecimentos Específicos; Legislação da Assistência Social I, II e III; Interpretação de Textos; Redação de Correspondências Oficiais; Ética no Serviço Público e Lei de Acesso à Informação.

Como estudar para a prova do concurso INSS

Enfim, depois de todas essas informações sobre os cargos e a prova do INSS, chegou a hora de descobrir como estudar para o concurso do INSS.

Como já mencionamos anteriormente, o concurso costuma ser bastante concorrido e cobra conteúdos de diversas matérias. Por isso, nosso principal conselho para você, que decidiu buscar uma vaga, é investir em um curso preparatório online para INSS.

Sem a menor dificuldade, este preparatório específico pode ser encontrado em instituições que oferecem cursinho online para concursos.

Por serem especialistas no assunto quando se fala em concurso público, os cursinhos possuem professores dedicados a cada área específica, o que garante que você estude somente aquilo que realmente será cobrado na sua prova, sem enrolação.

Outro grande diferencial que pode ser conquistado com esta ajuda profissional é a economia de tempo. Além de repassar somente o conteúdo que será abordado na sua prova, os cursinhos também possuem uma dinâmica de videoaulas que permite conciliar o estudo com outras atividades. Isso porque o assunto, geralmente, é abordado em videoaulas com, no máximo, 30 minutos de duração.

Por fim, nosso segundo e último conselho é que você pratique, e muito, as questões que serão cobradas na prova. Atualmente, com o auxílio da internet e, até mesmo do seu curso preparatório, é fácil ter em mãos as últimas provas aplicadas pelo INSS para resolução.

Assim, você pode testar o seu conhecimento ao mesmo tempo em que revisa o conteúdo já estudado.

Esperamos que, com o texto de hoje, você tenha esclarecido suas dúvidas sobre o concursos INSS e possa garantir uma vaga futura no órgão!

 

 

Equipe de redação do Arquivo Histórico Joinville

Cada integrante de nossa equipe carrega consigo uma valiosa coleção de experiências e habilidades singulares, culminando em um conjunto coeso que busca incansavelmente a excelência na criação de conteúdo. Nosso objetivo primordial é superar as expectativas, oferecendo aos nossos leitores uma experiência que não apenas enriqueça, mas também permaneça na memória.

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

8 + 14 =