Como é o concurso público da CVM?

O concurso público da CVM, sigla que representa a Comissão de Valores Mobiliários, costuma figurar entre aqueles que oferecem excelentes oportunidades, e claro, ótimos salários. Neste post contaremos quais são as principais características desse certame e como iniciar sua preparação utilizando cursos online para concursos de modo a, tão logo sejam abertas as inscrições, você já esteja um passo na frente dos demais concorrentes a uma vaga.

Antes de mais nada, convém falarmos um pouco mais sobre o que é esse órgão vinculado ao Ministério da Economia. Criada em 07/12/1976 pela Lei 6.385/76, ela tem como objetivo fiscalizar, normatizar, disciplinar e desenvolver o mercado de valores mobiliários no Brasil.

A CVM é uma entidade autárquica em regime especial, com personalidade jurídica e patrimônio próprios, dotada de autoridade administrativa independente, ausência de subordinação hierárquica, mandato fixo e estabilidade de seus dirigentes, e autonomia financeira e orçamentária.

Pronto, agora que você já conhece um pouco mais sobre a instituição em si, vamos finalmente falar a respeito do concurso da CVM.

Quando será o próximo concurso público da CVM?

De acordo com informações recentes, o próximo concurso público da CVM tem boas chances de acontecer ainda em 2021, tendo em vista que um pedido de autorização para oferta de 121 vagas já foi enviado. Dessas, 24 seriam para o cargo de Inspetor, 48 para Analista, e as demais 49 para a função de Agente Executivo.

Quem tiver interesse em concorrer a uma das oportunidades para Agente Executivo, é importante saber que ela exige apenas nível médio, e paga aos aprovados um vencimento inicial que pode ultrapassar os R$ 7,6 mil.

Já os candidatos às vagas de Inspetores e Analistas precisarão ter nível superior completo em qualquer área no caso do primeiro citado e em áreas específicas (de acordo com as especialidades que forem apresentadas no edital do concurso CVM 2021) no caso do segundo. E, caso conquistem a aprovação, farão jus a remuneração que alcança os R$ 19,6 mil.

Atribuições dos Cargos

Com base o edital do último concurso Comissão de Valores Mobiliários, e havendo grande possibilidade de que se repita no próximo a ser lançado, separamos abaixo as atribuições dos cargos, para que você possa saber um pouco mais sobre aquelas que podem ser uma de suas futuras funções, seja participando do concurso CVM para nível médio ou do concurso da CVM para nível superior.

  • Agente Executivo

Fornece o suporte especializado à execução das atividades da CVM, prestando apoio a Analistas e Inspetores em atividades de natureza técnico-administrativas. 

  • Inspetor

Atua na fiscalização das entidades supervisionadas pela CVM, planejando e executando inspeções e instruindo processos sancionadores. Observações: o candidato deverá ter disponibilidade para viagens de inspeção.

  • Analista – Arquivologia

Implementa tecnicamente a política de gestão de documentos, em meio eletrônico e em suportes tradicionais, assim como a gestão de arquivos físicos da Comissão de Valores Mobiliários. 

  • Analista – Biblioteconomia

Administra serviços de biblioteca, com ênfase em temas relacionados ao mercado de valores mobiliários, prestando atendimento aos públicos interno e externo. 

  • Analista – Infraestrutura de TI

Gere os recursos ligados à tecnologia da informação, planejando e administrando a implementação e utilização de sistemas operacionais, infraestrutura, banco de dados, rede, correio eletrônico e help-desk

  • Analista – Mercado de Capitais

Desenvolve as atividades especializadas necessárias à regulação, acompanhamento, controle e supervisão das entidades sob jurisdição da CVM, elaborando atos normativos, implementando e aperfeiçoando sistemas de registro e acompanhamento e providenciando resposta às reclamações de investidores.

  • Analista – Normas Contábeis e de Auditoria  

Elabora Normas de Contabilidade e de Auditoria; mantém sistemas de credenciamento de Auditores Independentes; responde a consultas técnicas de outras áreas da CVM e do mercado com relação à aplicação de normas de Contabilidade e Auditoria. 

  • Analista – Planejamento e Execução Financeira

Desenvolve atividades relacionadas ao planejamento plurianual, planejamento e execução orçamentária, elaboração de processos licitatórios, auditoria interna, gestão de contratos e processos conexos. 

  • Analista – Planejamento e Execução Financeira: Contador

Controla a execução financeira, acompanhando o fluxo de caixa; efetua registro de atos e fatos contábeis; elabora controles contábeis; controla a prestação de contas da CVM; desenvolve outras atividades relacionadas ao planejamento e execução financeira. 

  • Analista – Recursos Humanos

Desenvolve atividades de gestão de pessoas, tais como processos seletivos, capacitação, avaliação de desempenho, administração de cargos e salários, benefícios, registro e acompanhamento funcional e outras tarefas correlatas. 

  • Analista – Sistemas

Implementa os sistemas informatizados adequados às necessidades da CVM, elaborando diagnósticos e estudos de planejamento, desenvolvendo sistemas ou acompanhando e apoiando seu desenvolvimento por terceiros e promovendo a manutenção dos sistemas existentes.

Provas

Ainda usando como base o que foi publicado no último edital e sabendo que, pelo menos no que diz respeito a estrutura, há boas chances de que se repetira no próximo certame, vamos tentar te mostrar como podem ser as provas do concurso CVM.

O conteúdo programático para Agente Executivo foi composto pelas disciplinas de Língua Portuguesa, Conhecimentos Contemporâneos, Estrutura do Mercado de Valores Mobiliários, Conhecimentos Básicos de Administração, e Administração Pública.

Já os candidatos a Inspetor precisaram focar seus estudos em Língua Portuguesa, Língua Inglesa, Matemática Financeira, Estrutura do Mercado de Valores Mobiliários, Contabilidade, Auditoria, Funcionamento do Mercado de Valores Mobiliários, e Economia.

E por fim, quem concorreu a uma das vagas de Analista viu constar em seus conteúdos programáticos as disciplinas de Língua Portuguesa, Língua Inglesa, Estrutura do Mercado de Valores Mobiliários, além de outras referentes a conhecimentos específicos de acordo com a área escolhida.

Como se preparar para o concurso público da CVM?

Apesar de não haver informações concretas a respeito de quando será publicado o edital, quando terão início as inscrições ou qual será a banca organizadora concurso CVM, ainda assim o ideal é que não se espere por essas definições para iniciar a preparação. Antecipar os estudos é fundamental para, quando chegar o dia do certame, você esteja em grande vantagem em relação aos demais candidatos.

A primeira dica que damos é contar com o auxílio de um curso para concurso da CVM. Com ele você poderá assistir videoaulas que apresentam apenas o que realmente importa, ou seja, conteúdos que têm mais chances de serem cobrados das provas. Assim é possível ir direito ao ponto, sem perder tempo com assuntos desnecessários.

Além disso, o mesmo preparatório te oferece a possibilidade de estudar resolvendo questões que foram cobradas em concursos anteriores, através de uma plataforma completa. É comprovado que se preparar para concursos dessa forma é muito eficiente e aumenta consideravelmente suas chances de assinalar com convicção as alternativas corretas no dia da prova.

Bom, esperamos que com esse post tenhamos conseguido te deixar muito bem informado sobre como é o concurso público da CVM e que, a partir de agora, você se sinta ainda mais empolgado para iniciar seus estudos e buscar a sonhada vaga.

Equipe de redação do Arquivo Histórico Joinville

Cada integrante de nossa equipe carrega consigo uma valiosa coleção de experiências e habilidades singulares, culminando em um conjunto coeso que busca incansavelmente a excelência na criação de conteúdo. Nosso objetivo primordial é superar as expectativas, oferecendo aos nossos leitores uma experiência que não apenas enriqueça, mas também permaneça na memória.

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

dois × 2 =